Com mais 04 óbitos registrados no final de semana, Russas contabiliza 27 mortes por Covid-19, curados são 1.053


06/07/2020 - Destaque - Cláudio Moura

A Covid-19 continua fazendo vítimas na cidade de Russas, somente nas últimas 72h foram registrados mais 04 mortes, elevando para 27 o número de vítimas da doença em solo russano. Os novos óbitos foram registrados nas áreas do Centro, mais 02, elevando para 05; Nossa Senhora de Fátima, mais 01, elevando para 06; e Pitombeira mais 01, elevando para 05. As outras mortes foram contabilizadas nas regiões: Bonhu (01), Catumbela (01), Flores (01), Jardim de São José (02), Mutirão (02), Planalto (03) e Retiro (01). A taxa de letalidade do Município é de 2,2% menor do que a do Estado e do País. As informações são do Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde na manhã desta segunda, 06 de julho.

O documento informa ainda que os casos seguem aumentando, somente no final de semana foram registrados mais 88 novos exames positivos, aumentando para 1.232 casos confirmados da doença. A boa notícia é que destes, 1.053 já foram curados, ou seja, 85,5% dos contaminados conseguiram vencer a enfermidade viral.

Os casos suspeitos também aumentaram com relação a atualização divulgada na última sexta, passando de 893 para 937, aguardando resultado de exames.

O número de internações diminuiu um pouco com relação à atualização anterior, caindo der 19 para 17, sendo 14 pacientes confirmados e 03 suspeitos. O Município conta ainda com 1.072 pessoas em isolamento domiciliar, sendo 138 confirmados e 934 suspeitos.

Ao todo, o Município já registrou 3.171 casos notificados, com 1.002 exames negativados classificados como descartados.

Outro dado que merece destaque é que a cidade de Russas registrou seu primeiro caso positivo da Covid-19 em 06 de abril, e três meses depois contabiliza 1.232 casos, uma média de 410,6 registros por mês.

Os dados mostram que o coronavírus está bem ativo no Município, inclusive fazendo vítimas fatais, e essa realidade preocupam as autoridades municipais que seguem promovendo ações de enfrentamento ao novo vírus, e alertando para que as pessoas continuem mais vigilantes e não relaxem nas medidas preventivas, pois contra o novo vírus só há um remédio, a prevenção.

Confira o Boletim:

 



Deixe seu comentário

ACESSO RÁPIDO